Pages Menu
Sobre finanças

Sobre finanças

No fim do mês de março eu passei por um grande sufoco.

No dia 25 eu entraria em um período de quize dias de recesso, e eu tinha viagem marcada para a Irlanda, Marrocos e Espanha. No início do ano eu havia comprado uma câmera (pois eu havia quebrado a outra sendo muito cuidadosa com ela), mas como eu tenho um caderno no qual anoto os meus gastos, fiz meus cálculos e notei que até que eu recebesse a bolsa de abril estaria tudo bem.

Chegou o final de março e eu estava bem empolgada que iria viajar, e que eu não só tinha conseguido sobreviver até lá, como também havia salvado quase metade da bolsa de um mês.

Mas havia um porém. Essa metade da bolsa de um mês era metade da bolsa do mês de abril. Nós recebemos três bolsas de uma vez. E eu havia me esquecido que tínhamos recebido a de Janeiro separada. Eu tinha, portanto, recebido a bolsa de Fevereiro, Março e Abril juntas. O pior de tudo é que meus amigos falaram sobre isso VÁRIAS VEZES no nosso grupo, e eu apenas não tinha prestado atenção suficiente. Por VÁRIAS VEZES. Eu comecei a chorar desesperada, não tinha dinheiro para viajar – e mais importante – comer no mês de Abril. Eu tive sorte que tinha dinheiro na minha conta do Banco do Brasil.

O sufoco passou, e eu decidi tomar vergonha na cara e aprender a administrar melhor o meu dinheiro, afinal o dinheiro extra do BB que seria para algum tipo de emergência me serviu para viajar e viver até o fim de abril. Mas depois da viagem eu podia gastar £9 por dia, e num mês normal eu poderia gastar até £14/dia.

Eu comecei a analisar melhor os gastos que eu tinha escrito. Antes eu praticamente só escrevia e pensava “putz, gastei mais do que devia”. Eu não tinha um método para salvar dinheiro ou para compensar o dinheiro que não devia ter gastado.

Houve um dia que eu gastei £36,27. (Mais que o dobro do que eu posso)

Houve um dia que eu gastei £36,27. (Mais que o dobro do que eu posso)

Sendo mais restrita com como eu gastava meu dinheiro, eu consegui subir o valor diário para £11 no final de maio. E sim, £2 fazem diferença. (Conseguir gastar pouco em um mês me fez refletir no quanto eu gastava antes).

Agora eu já posso viver com as £14 normais, mas eu estou devendo £150 ao meu namorado. Eu estou ainda tentanddo viver com £10 por dia, para salvar dinheiro no fim do mês. O que estou fazendo é isso:

Meu novo esquema de administração de finanças, POUNDS (Programa Oriundo da Ucrânia do Novo Dinheiro Sustentável) - quê?

Meu novo esquema de administração de finanças, POUNDS (Programa Oriundo da Ucrânia do Novo Dinheiro Sustentável) – quê?

Em azul, estão itens que custam mais do que as £10 eu posso gastar diariamente. Abaixo, estou escrevendo o meu saldo ao final do dia. A diferença é que agora eu guardo o saldo que eu consegui poupar diariamente e não mexo nele até o fim do mês. Quando/se eu tiver que gastar mais que a minha cota diária, eu vou subtrair do dinheiro do próximo dia (salvo em casos extremos, que vou precisar do auxílio de quanto eu já guardei). E assim vou vivendo.

Bem, encerrarei esse post com os meus mais sinceros agradecimentos à rede de supermercados ALDI, que contribuíram no corte de metade dos meus gastos com comida e afins. Free merchandising.