Pages Menu
Um novo lar

Um novo lar

Dia 16 de setembro embarquei rumo a cidade que chamarei de casa pelos próximos meses. Uma sensação estranha essa de ter que construir um  novo lar. Afinal, o que faz da nossa casa a nossa casa? Foi fazendo essa pergunta a mim mesma que comecei a separar o que levar dentro da mala.

Claro, não consigo colocar meus pais, minha cachorrinha e nem meu colchão dentro da mala – e foi aí que tive que pensar num meio diferente de carregar tudo isso que me lembra o aconchego de casa.

No meio dessa tarefa, fui mexendo em cada gaveta, cada prateleira: achei uma foto antiga na praia com meu pai, um livrinho bem pequeno de ilustrações que minha mãe me deu num dia que eu estava triste, um chaveiro de lembrança de um amigo especial. Pedi para cada amigo e familiar escrever uma mensagem num caderninho no dia da minha festa de despedida. E foi assim, aos pouquinhos, que fui juntando pequenas lembranças de cada um que sentirei saudades nesse um ano distante que começou em setembro.

Fechando a mala percebi que nada do que estou levando irá cobrir a enorme falta que vou sentir de tudo, mas é suficiente para me lembrar de cada um que está torcendo por mim e me desejando o melhor nessa viagem.

Que você seja o melhor lar de todos, Cardiff!

Um novo lar | Cardiff | País de Gales

Um novo lar | Cardiff | País de Gales