Pages Menu
Uma volta pelo Art Institute of Chicago

Uma volta pelo Art Institute of Chicago

Conhecido pela melhor coleção de artistas impressionistas dos Estados Unidos, o Art Institute of Chicago (http://www.artic.edu/) é motivo de orgulho para os habitantes dessa cidade. Fundado em 1866, o museu abriga uma coleção de mais de 300.000 objetos. Além dos impressionistas, este grande instituto possui obras relacionadas ao Modernismo, Renascimento e Arte Bizantina. A coleção completa pode ser vista no site da instituição (http://www.artic.edu/aic/collections/).

Arte européia do século XVI

Arte européia do século XVI

Falo sobre o Art Institute aqui por que tenho o privilégio de cursar uma matéria que é ministrada dentro do museu. A aula de História da Arte por meio do Art Institute of Chicago é uma disciplina na qual alunos de qualquer curso da DePaul podem se matricular. Todo domingo passamos a tarde aprendendo sobre determinados períodos da História da Arte, com exemplos vívidos diante dos olhos. Já tive aulas de História da Arte com a equipe HACAD na UEMG (às vezes me deparo com alguma obra que foi eventualmente mostrada em sala de aula). Entretanto, aprender em um lugar cercado de arte é uma experiência única e imperdível para mim, como uma intercambista que gosta desse assunto.

Professor Joseph Cunniff, em uma aula sobre pós-­impressionismo

Professor Joseph Cunniff, em uma aula sobre pós-­impressionismo

Por meio dessa aula, estou me acostumando a não apenas olhar vagamente para uma obra, mas enxergar suas características. O professor, veterano da School of the Art Institute of Chicago (http://www.saic.edu/index.html), leciona de uma maneira descontraída e sempre procura ouvir as opiniões dos alunos acerca de uma obra de arte. Para manter o interesse na aula, ele intercala histórias curiosas com aspectos técnicos do objeto estudado.

Dois hits do Art Institute: Auto retrato e a segunda versão do quarto de Van Gogh

Dois hits do Art Institute: Auto retrato e a segunda versão do quarto de Van Gogh

O Art Institute é um museu muito grande e sempre há o que descobrir. No subsolo há uma bela sala que abriga uma coleção de miniaturas de design de interiores de vários períodos da história (http://www.artic.edu/aic/collections/artwork/category/15). Em quesito de design, o museu também não fica para trás. Há galerias que exibem objetos do cotidiano com design claramente funcionalista. Pelo fato de alguns professores da Bauhaus terem vindo para Chicago, o acervo do Departamento de Arquitetura e Design (http://www.artic.edu/aic/collections/arch) do museu possui objetos de Frank Lloyd Wright, Mies van der Rohe e Le Corbusier. Recentemente o museu construiu um anexo, a Modern Wing, cujo projeto foi feito pelo arquiteto Renzo Piano (um dos arquitetos do Centre Georges Pompidou). Nessa ala, como o nome bem diz, encontram­-se os artistas modernos e contemporâneos. Atualmente, o museu está exibindo quatro notáveis exposições. Degas: At the Track, on the Stage (http://www.artic.edu/exhibition/degas­track­stage), que inclui as famosas bailarinas e algumas esculturas do artista; Gates of the Lord: The Tradition of Krishna Paintings (http://www.artic.edu/exhibition/gates­lord­tradition­krishna­paintings), um retrato da arte religiosa indiana nos últimos cinco séculos; Dionysos Unmasked: Ancient Sculpture and Early Prints (http://www.artic.edu/exhibition/dionysos­unmasked­ancient­sculpture­and­early­prints), que exibe a influência da mitologia grega entre os séculos XV e XVIII; Making Place: The Architecture of David Adjaye (http://www.artic.edu/exhibition/david­adjaye), que dialoga com a Bienal de Arquitetura de Chicago (http://chicagoarchitecturebiennial.org/), que acontece até janeiro de 2016. Todas essas exposições adicionam valor à diversa coleção do museu. O Art Institute of Chicago foi mostrado na cultura pop, no filme Curtindo a Vida Adoidado. Há uma cena em que o personagem principal faz um passeio pelo museu. Apesar de ter sido filmado há 30 anos e o museu ter mudado sua expografia, a cena dá uma boa visão geral da coleção do Art Institute of Chicago.